Era uma vez...


"Em um tempo muito, muito distante, quando a Deusa caminhava sobre a Terra e todas as coisas eram sagradas...
Nas noites encantadas,surgia em meio a floresta misteriosa
um velhinho exausto e tremulo e a Deusa em sua face Anciã,
o tomava em seus braços, se balançando em sua cadeira o embalava, cantando...cantando...
E pela manhã ele saltava de seus braços, agora já uma criança radiante e se alçava aos céus para raiar o dia.
Ele é a Criança Solar, Ela é a Mãe de todas as coisas..."

15 de março de 2013

numinoso


“Se lúmen pode servir para formar luminoso, 
numen pode formar o numinoso. 
Falo de uma categoria numinosa como uma categoria especial de interpretação e de avaliação, um estado de alma que se manifesta quando essa categoria é aplicada, 
isto é, cada vez que um objeto é concebido como numinoso.
 Essa categoria é absolutamente sui generis, original e fundamental, 
ela não é um objeto de definição no sentido estrito da palavra,
 mas é um objeto de estudo. Não se pode tentar compreender o que ela é 
a não ser tentando chamar a atenção do ouvinte para a mesma e fazer-lhe 
encontrar em sua vida íntima o ponto onde ela surge e se torna então consciente”. Rudolf Otto

SOBRE DIREITOS AUTORAIS

As fotos, figuras, textos, frases visualizadas neste blog, são de autorias diversas. Em alguns casos não foram atribuidos os créditos devidos por ignorância a respeito de sua procedência. Se alguém tiver
alguma objeção ou observação por favor contatar-me.
Namastê























CURRENT MOON