Era uma vez...

E como encontraram
Tal qual encontrei
Assim me contaram
Assim vos contei...

16 de julho de 2011

O caminho da vida pode ser o da liberdade e da beleza, 
porém nos extraviamos. 
 A cobiça envenenou a alma dos homens... levantou no mundo as muralhas do ódio... 
e tem-nos feito marchar a passo de ganso para a miséria e os morticínios. 
Criamos a época da velocidade, mas nos sentimos enclausurados dentro dela. 
A máquina, que produz abundância, tem-nos deixado em penúria. 
Nossos conhecimentos fizeram-nos céticos; nossa inteligência, empedernidos e cruéis. Pensamos em demasia e sentimos bem pouco. 
Mais do que de máquinas, precisamos de humanidade. 
Mais do que de inteligência, precisamos de afeição e doçura. 
Sem essas virtudes, a vida será de violência e tudo será perdido.
( de : O Grande Ditador )

SOBRE DIREITOS AUTORAIS

As fotos, figuras, textos, frases visualizadas neste blog, são de autorias diversas. Em alguns casos não foram atribuidos os créditos devidos por ignorância a respeito de sua procedência. Se alguém tiver
alguma objeção ou observação por favor contatar-me.
Namastê























CURRENT MOON