Era uma vez...

E como encontraram
Tal qual encontrei
Assim me contaram
Assim vos contei...

11 de setembro de 2012

Castaneda

 Peyotão!!!!


- Quer-me ensinar alguma coisa a respeito do peiote, Dom Juan?
– Por que quer saber disso?
– Eu queria mesmo saber a respeito. Só querer saber não basta como motivo?
– Não! Tem de procurar em seu íntimo para saber por que um rapaz como você quer empreender essa tarefa de aprendizagem.
– Por que você mesmo aprendeu sobre isso, Dom Juan?
– Por que quer saber?
– Talvez nós dois tenhamos os mesmos motivos.
– Duvido. Sou índio. Não temos os mesmos caminhos.
– O único motivo que tenho é que desejo saber a respeito, só para aprender. Mas asseguro-lhe, Dom Juan, não tenho más intenções.
– Acredito em você. Já o fumeguei.
– Perdão?
– Não importa agora. Sei quais são suas intenções.
– Quer dizer que leu meus pensamentos?
– Pode ser.
– Então quer-me ensinar?
– Não!
– Por eu não ser índio?
– Não. Porque você não conhece seu íntimo. O importante é você saber exatamente por que quer envolver-se. Aprender a respeito de Mescalito é uma coisa muito séria. Se você fosse índio, só o seu desejo seria suficiente. Muito poucos índios têm esse desejo.

SOBRE DIREITOS AUTORAIS

As fotos, figuras, textos, frases visualizadas neste blog, são de autorias diversas. Em alguns casos não foram atribuidos os créditos devidos por ignorância a respeito de sua procedência. Se alguém tiver
alguma objeção ou observação por favor contatar-me.
Namastê























CURRENT MOON