Era uma vez...

E como encontraram
Tal qual encontrei
Assim me contaram
Assim vos contei...

30 de dezembro de 2009

Serra do Rola Moça


"A serra do Rola Moça não tinha esse nome não"


Esta é a estória de um moço e uma moça que atravessaram a serra para casar no arraial do outro lado.
A serra é cheia de caminhos tortos, atalhos perigosos, passagens estreitas e faz do viajorno um ir e vir cheio de vigilância. Lá embaixo, os socavões.


Antes que a noite chegasse resolveram voltar. Tomaram rumo de casa, agora casados e cheios de alegria. Durou pouco. Sucedeu, enquanto encantados e rindo à toa, o descuido da moça. O casco do cavalo pisou em falso e foram moça e cavalo serra abaixo. Sem acreditar no que acontecia, o moço desesperado tocou seu cavalo à galope no meio do nada. Saltou o abismo atrás da noiva e a serra do Rola Moça assim chamou. A moça morreu de acidente, o moço de amor.

Deixa rolá o teu corpo morena
Roliça serra, geografia sensuá
Moça morena do brumado
Senhora duma serra ao meu lado
Judiação
Essa é a estória de uma amor rolado
Rola na serra no capim melado
A dor de dois nubentes
Recém casados e displicentes
Jurando amor

Fim...

SOBRE DIREITOS AUTORAIS

As fotos, figuras, textos, frases visualizadas neste blog, são de autorias diversas. Em alguns casos não foram atribuidos os créditos devidos por ignorância a respeito de sua procedência. Se alguém tiver
alguma objeção ou observação por favor contatar-me.
Namastê























CURRENT MOON